4 de junho de 2014

Estácio de Sá divulga sinopse de enredo 2015



A Estácio de Sá entregou, nesta quarta-feira, a sinopse do enredo que vai homenagear o Rio de Janeiro.

O tema será desenvolvido por uma comissão de Carnaval, que vai contar com o ex-assistente de Jack Vasconcelos, Tarcísio Zanon, e o carnavalesco Amauri Santos; além da direção de Carnaval, composta por Júnior Escafura, Marcão, Nelsinho e Roni. Todos sob o comando do presidente Leziário Nascimento.


SINOPSE

De braços abertos, de janeiro a janeiro. Sorrio, sou o Rio, sou Estácio de Sá!"

Quando te avistei, sua alegria e seu encanto fez brotar em mim um enorme desejo, seu brilho iluminou minha chegada, e em suas águas refletiu o sol que aqueceria minha nova morada... Maravilhosamente bela; desenhada pelas mãos divina. Detalhe por detalhe criando um ambiente perfeito entre o mar e a montanha, e colorida em belíssima aquarela.

Aportei em ti meu paraíso tropical. Diante de relevos que emolduraram histórias de chegadas e saídas, tantos momentos felizes que marcaram sua trajetória, misturando povos e culturas, e fazendo do seu povo, o mais feliz do mundo!

Decorada com extremo bom gosto e requinte, ganhou estilo sem perder a essência, contornou montanhas, acomodou vidas e se transformou em um norme parque de diversões; e em grande estilo! Cada traço, cada espaço, cada rua... O Rio trouxe sempre muita inspiração para a arte e para a vida de um povo feliz, de características e marcas especiais.

A pomba branca anunciou, a festa vai começar! Que venha esse povo malandro com jeito moleque, que joguem seus limões de cheiro e muita galhofa no povo que brinca nas ruas. Que as mascaras nos bailes enfeite ainda mais seu belo cenário.

Liberdade! Liberdade! Gritou o negro soltando a voz da igualdade, podendo se expressar, e com muita fé dar início a uma de nossas maiores riquezas... Vamos batucar?

Sim, mas gora me deixa falar, me chamo Ismael e também tenho história para contar. Numa Pequena África de grandes acontecimentos, o samba pedia passagem, porém de pele negra e despretensioso nem sabia onde podia chegar.

Foi assim que nós, os "Bambas do Estácio" fundamos nossa escola querida, a primeira de tantas irmãs. Que orgulho!!! Até meu Cristo de braços abertos veio abençoar.

As ondas do rádio trouxeram talentos que encantaram o mundo, foi aqui que surgiram "Novas Bossas" que imortalizaram o amor por nossa maravilhosa cidade. A musicalidade já morava aqui; tantos ritmos, a "Melodia" descia o morro inundando de arte o asfalto.

E povo festeiro! Na festa da bola o que rola é a emoção, são tantas bandeiras que tremulam com o gingado dos nossos craques de "alegria nas pernas" driblando e fazendo o espetáculo para um povo que se une em um só grito: É golll! Fazendo o "Maraca" tremer. Obrigado meu São Jorge Guerreiro!

É aqui que pulsa o coração do meu Brasil, é aqui que vivo com muito orgulho, festejando de janeiro a janeiro e recebendo "cariocas do mundo inteiro".

Foi aqui também que todas as Américas se uniram num espetacular show de esporte.

Sim e é aqui que vive esse povo alegre, sagaz e sem medo de ser feliz, que a cada chegada de um novo ano faz o céu da princesinha brilhar, numa fantástica explosão de cores, enquanto as flores que cobrem as águas renovam as esperanças.

Salve minha cidade! Salve a Rainha do mar!

E hoje no maior espetáculo do planeta brilham grandes escolas de samba. E a Estácio de Gonzaguinha, Luiz Melodia e Dominguinhos vem mostrar minha cidade numa sinfonia de risos orquestrada pelo rugido do Leão na cadencia da bateria medalha de ouro!

Afinal hoje o mundo reconhece que o meu lugar é a cidade do futuro, e a única capaz de reunir com tanta perfeição: Natureza, cultura, esporte e vida urbana.

Tudo isso sem perder o encanto... É a ousadia e alegria de uma cidade que ganhou fama internacional.

Meu Rio de quatrocentos e cinquenta Janeiros continua lindo e continua sendo esta "felizcidade"! E com a benção de São Sebastião, sou do Rio de Janeiro! Sou feliz, sou Estácio de Sá. Aquele abraço!!!

Amauri Santos


JUNTE-SE A NÓS

LEIA MAIS SOBRE